Plano de Saúde x Plano Assistencial: qual a melhor opção para sua empresa?

Plano de Saúde x Plano Assistencial: qual a melhor opção para sua empresa?
+ + + + +

Se você perguntar para um trabalhador qual benefício é mais importante na hora de optar por uma oferta de emprego, é alta a probabilidade de a assistência médica ser citada. Em uma pesquisa realizada pela Catho, inclusive, essa foi a opção escolhida por 74,6% dos entrevistados.

Apesar disso, o plano de saúde para os funcionários já corresponde ao segundo maior custo das empresas, atrás apenas da folha salarial. Por isso, muitas têm procurado alternativas para isso. Um levantamento feito pela consultoria Mercer Marsh Benefícios mostrou que planos de coparticipação já são adotados por cerca de 74% das companhias. Isso tem um peso no bolso do funcionário, podendo chegar a 35% da remuneração e com impactos diretos nos resultados dos próprios planos de saúde.

A maioria dos candidatos a ofertas de empregos consideram a assistência médica como principal benefício. Ao mesmo tempo, planos de saúde são, atualmente, o segundo maior custo das empresas, atrás apenas do pagamento dos salários.

Segundo o balanço da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS), eles perderam 3,4 milhões de usuários nos últimos cinco anos. Em 2019, por exemplo, cerca de 47 milhões de clientes possuíam algum tipo de plano – sendo 31,8 milhões ligados a planos empresariais. Além disso, o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) estima que 70% dos brasileiros dependem exclusivamente do Sistema Único de Saúde (SUS). E essa realidade de perdas da saúde privada fez crescer uma nova modalidade de atendimento médico: as clínicas populares.

Não há números oficiais sobre o crescimento desse setor no país, mas essas clínicas – como é o caso da AssisteMed – têm se tornado uma opção para quem precisa de um serviço rápido e com preços que cabem dentro do orçamento familiar. Essas clínicas são uma alternativa, inclusive, para desafogar o atendimento público. Realizando procedimentos de baixa complexidade e a um custo menor, as famílias encontram a agilidade necessária e restringem ao SUS o atendimento a procedimentos de maior complexidade e a pacientes crônicos.

Clínica assistencial como benefício ao trabalhador

Como mostrado, os planos de saúde são muito valorizados na hora de decidir por começar a trabalhar em uma empresa. Mas a questão financeira também é um fator determinante, tanto para as empresas quanto para os empregados. Por isso, firmar uma parceria com uma clínica assistencial pode ser uma ótima alternativa para todos.

Na AssisteMed, por exemplo, são oferecidas consultas com clínicos gerais e especialistas a preços acessíveis, com toda a estrutura necessária para a realização de exames simples. Os profissionais são qualificados em diversas áreas da Medicina – como pediatria, oftalmologia, ginecologia, cardiologia, dermatologia e mais –, com atendimento feito na hora marcada e resultados imediatos para casos menos complexos, como viroses ou infecções.

E para as empresas, essa parceria é um benefício extra a ser oferecido para os funcionários. Já que a maioria dos planos de saúde atuais são coparticipativos, o empregado continua precisando pagar pelas consultas e exames realizados. Buscar alternativas mais baratas para isso, mantendo o padrão de atendimento, só traz vantagens.

Para saber as condições da AssisteMed para convênios empresariais, entre em contato pelo telefone (31) 2342-1200 ou pelo formulário em nosso site.

Fale com a gente ▸